Como cultivar vínculos com a equipe em trabalho remoto

trabalho-remoto

Muito adotado durante o período de distanciamento social, o trabalho remoto traz vantagens, mas também impõe desafios. O principal deles possivelmente seja a adaptação a uma nova rotina longe do ambiente do escritório. No home office, torna-se necessário encontrar formas de conservar a produtividade e a motivação.

Para tanto, é importante que, mesmo trabalhando em casa, o colaborador consiga manter laços profissionais e pessoais com sua equipe. A seguir, confira quais as melhores formas de se fazer isso.

 

Invista na sua conexão

Para se cultivar boas relações com os colegas durante o trabalho remoto, é preciso, primeiro, ter uma internet confiável. Afinal, de pouco adianta marcar e comparecer a videoconferências se a conexão ficar travando ou caindo. Porém, note que não estamos falando de uma conexão necessariamente ultrarrápida. Aqui, a constância é mais importante que a velocidade. Por isso, priorize o investimento num bom roteador ou, se necessário, repetidores de sinal wi-fi para sua residência.

 

Descontraia seu trabalho remoto

Quando trabalhamos presencialmente na empresa, são comuns as pausas para um cafezinho ou aquela conversa rápida no corredor. Embora, em teoria, esses momentos roubem tempo de trabalho, são essenciais para a unidade da equipe. E essa unidade, por sua vez, tende a melhorar a produtividade de todo o grupo.

Logo, quando se está em trabalho remoto, tal interação precisa ser feita de outra forma. Por e-mail ou mensagens, procure conversar um pouco sobre assuntos não relacionados ao trabalho com seus colegas. Uma boa ideia é manter um grupo de Whatsapp dedicado a temas diversificados, como se fosse a área de recreação do escritório.

 

Informalize as reuniões na medida certa

Momentos de bate-papo mais informal também podem – e devem – ganhar espaço nas reuniões à distância durante o trabalho remoto. Se você é líder de equipe e responsável pela pauta das vídeo-chamadas em grupo, reserve tempo para a descontração. Uma boa forma de fazer isso é sempre agendar reuniões com duração um pouco maior do que de fato precisariam.

Assim, você pode dedicar alguns minutos no começo do encontro para conversas informais. Essa socialização no início das chamadas relaxa o ambiente, motiva os colaboradores e facilita a abordagem de temas relacionados ao trabalho.

No entanto, tal abordagem exige medidas acessórias, como a preferência por comunicação assíncrona ao longo da semana. Afinal, os colaboradores não podem ficar “presos” por reuniões online, chamadas telefônicas e outras formas de contato em tempo real. Do contrário, restará pouco tempo para a efetiva realização das suas atividades, provocando stress e reduzindo a qualidade das entregas.

 

Foto: iStock/nensuria

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Veja também: