Ecossistema Apple: muito mais segurança para sua empresa

Mac para trabalho

Ameaças virtuais são tema recorrente no noticiário, expondo casos alarmantes de ataques que paralisam sistemas e “sequestram” redes corporativas inteiras. Os resultados disso costumam incluir prejuízos operacionais e financeiros, vazamento de informações sensíveis e até pagamento de resgates pelas empresas. Este último, aliás, sem nenhuma garantia de que os cibercriminosos, cuja identidade se mantém desconhecida, efetivamente cessem os ataques.

No submundo do crime digital, apenas o ransomware teria movimentado, segundo especialistas, aproximadamente US$ 1 bilhão em 2018. Nesse tipo de ataque, os invasores podem bloquear o acesso a dados, paralisar sistemas e extorquir as vítimas. Os criminosos não precisam mais invadir fisicamente a sede da empresa para pôr as mãos em seus ativos mais valiosos. Desse modo, a segurança digital surge como a grande trincheira no século XXI.

 

Por que o ecossistema Apple é mais seguro?

Diante desses desafios, prevenir continua sendo a estratégia mais eficiente. E se a sua empresa possui um ambiente Apple, já larga em vantagem também nesse quesito. Isso porque a gigante de Cupertino oferece um ecossistema completo e muito mais protegido do que o Windows.

Tudo começa pela forma como as plataformas macOS e iOS foram concebidas, com total sinergia entre hardware, software e serviços. No ecossistema Apple, tudo é minuciosamente projetado para trabalhar perfeitamente em conjunto, evitando brechas que poderiam comprometer a segurança. Além disso, a configuração, implantação e administração dos sistemas se tornam mais simples e rápidas. Afinal, praticamente toda a proteção dos sistemas vem embarcada na forma de recursos nativos.

 

Simplificar para proteger

A adoção de dispositivos Apple, por si só, já representa um avanço em termos de segurança da informação nas organizações. Isso porque as principais ameaças virtuais da atualidade, como os ransomwares, costumam explorar vulnerabilidades de sistemas como Windows e Android. Mas o grande salto acontece quando a empresa completa a migração para o ecossistema Apple, reduzindo a complexidade da infraestrutura. Afinal, tudo nesta plataforma é projetado para funcionar perfeitamente em conjunto. Com sua plena adoção, portanto, a companhia garante uma experiência fluida e consistente. Ou seja, completamente distinta daquela obtida num ambiente com múltiplos sistemas que não tenham sido especificamente desenvolvidos para colaborar. Metaforicamente falando, é como comparar um traje de mergulho emborrachado e hermético com outro constituído por retalhos de diferentes tecidos. Somente no primeiro não haverá brechas para vazamentos.

 

Segurança da Informação: e-book completo

Quer conhecer mais a fundo os diferenciais de segurança do ecossistema Apple nas empresas? Então baixe gratuitamente o e-book produzido pela iPlace Corporativo especificamente sobre o assunto! Para acessar o material, é só clicar aqui.

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Veja também: